Follow by Email

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012


 Como estou me sentindo agora? Sozinho. Não é questão de quantas pessoas estão ao meu redor, com quantas pessoas converso, ou com quantas pessoas convivo. E sim, quantas pessoas me amam. Estou me sentindo só, precisando de um abraço e de um motivo para sorrir. Estar vivo não me adianta de nada se não sou feliz. É esse silêncio que me tortura, essa solidão que me sufoca, essa falta de emoções que me deixa tão, frio. Quanto tempo mais eu terei de esperar pela felicidade? Quando alguém vai me trazer uma noticia boa? Quando terei um motivo para sorrir? Está demorando demais e, eu estou afundando cada dia mais nessa solidão. Preciso de colo, mas não encontro preciso desabafar, mas não consigo falar, preciso sorrir, mas é difícil, ainda mais sozinho. O problema não são os outros, sou eu, pelo menos espero que seja eu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário