Follow by Email

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

  Desde o primeiro dia em que o vi, pensei: ” Nossa, o que ele tem que me atrai tanto?”. Então, eu descubro ao passar dos dias, que não é exatamente o que ele tem e sim o que ele é. E aos poucos fui descobrindo que sua simplicidade, seu jeito e sua risada era completamente cativantes. E no final das contas, a junção de todos os seus atrativos me fez perceber: Eu estava completamente apaixonada por ele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário